O PSD – novo partido político – prioriza políticos evangélicos Aprovado pelo Tribunal Superior Eleitoral, o PSD (Partido Social Democrático) – criado há pouco tempo por Gilberto Kassab, prefeito da cidade de São Paulo, –  possui hoje 50 deputados e dois senadores. Com a possibilidade de se tornar a quarta mais bancada da Câmara (logo atrás do de PT, PMDB e PSDB), o partido tentará associar-se à parlamentares evangélicos.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel Segundo Guilherme Campos (SP) – líder do PSD – existe um grande número de políticos religiosos interessados em entrar para o partido.  “A procura aumentou substancialmente. Muita gente que estava em dúvida, resolveu nos procurar”, relata.
Ao menos cinco deputados ligados a igreja já estão negociando a entrada, entre estes estão o Marcelo Aguiar (PSC-SP) cantor gospel ligado à Igreja Renascer, Silas Câmara (PSC-AM) da Assembléia e Arolde de Oliveira (DEM-RJ)  - empresário do setor gospel. Heleno Silva (PRB-SE), da Igreja Universal, e o missionário José Olímpio (PP-SP), da Igreja Mundial do Poder de Deus, assinaram a ata de fundação do PSD.
“Sem dúvida, [o evangélico] é um eleitor importante”, declara Campos, que embora, afirme que a nova legenda irá se beneficiar da ligação com os parlamentares cristão, ressalta que não desenvolverão ação específica para alcançar ao eleitorado evangélico.
Fonte: Gospel+
postagem

0 comentarios de amigos:

Postar um comentário

Obrigado por comentar,
Atenção: caso este link de download não esteja disponível nos avise neste post que iremos providenciar assim que possível.

Deus abençoe